domingo, 23 de janeiro de 2011

O devorador do parque.- parte II

- Esperem! Cadê a porta! Ela estava aqui quando entramos! - gritou Mia.
Leonardo tomou a sua frente.
- Tomamos o caminho  errado! Vamos voltar!-disse.
- Ta louco! Voltar para onde! Viemos dessa direção e a porta estava ai ! - disse Marcos com a voz alterada.
Evelin se agarrou a Mia.
- Mas olha só! não tem porta alguma aqui! Tomamos o caminho errado!
Com apenas as luzes dos celulares um olhou para o outro e por fim todos concordaram. Teriam que tomar outro caminho.
Rapidamente direcionaram a luz fraca de seus celulares para iluminar o caminho. Ficaram próximos um do outro. Bem próximos.  E depois de caminharem por alguns minutos, viram mais corredores, mais entulhos, mais escuridão.
-Cara! Aonde estamos!- bufou Marcos.
- Estamos perdidos! - disse Evelin.
- Calma! Vamos sair dessa! - Mia a confortou.
- Caramba! Eu não estou entendendo! A direção que viemos parecia tão certa!A porta parecia tão próxima. E não andamos tantos assim!
- A gente foi falando e se distraindo! Por isso nos perdemos Marcos.! -Leonardo tentava a calma.
- Mas esse brinquedo! Essa casa mal assombrada não parecia tão grande por fora como ta parecendo!- observou Evelin.
- É impressão nossa! - Comentou Leonardo.
- E para onde vamos então!- perguntou Mia.
-Calma gente! Vocês parecem desesperados!- irritou-se Leonardo.
Novamente silenciaram-se. E tomaram a atenção para o barulho de uma porta sendo aberta.