domingo, 1 de maio de 2011

O mistério do pato.

Eu sei que é difícil de acreditar, mas aconteceu!

       Não posso dizer a localização exata, mas foi no estado de Goiás, no final de 2010, quando um amigo meu fazendeiro na região me convidou para passar uns dia em sua fazenda. E que faz divisa com um parque nacional e uma área de proteção ambiental. É uma fazenda grande onde o cerrado e a mata da Amazonas começam a se misturar. Tem algumas cachoeiras e lagos. Ali naquela região se vê céu estrelados , como se pudesse tocar nas estrelas. Ar puro, silêncio, tudo o que falta em São Paulo. Era as minhas melhores férias.
E numa manhã, manhã mesmo, porque lá o povo acorda a cinco da matina. Eu e esse meu amigo dona da fazenda fomos dar uma volta a cavalo para conhecer melhor a fazenda. E após as imensas plantações de soja e pasto para gado, entramos numa mata com trilha e que ele conhecia muito bem. Ele queria me levar para ver uma cachoeira que formava uma piscina natural imensa e que muitas aves e animais silvestres usam para as suas necessidades.  Chegando lá  não se pode se deslumbrar com a beleza do local, é de encher os olhos e toca a nossa alma dando a certeza de que o Criador existe e foi genial ali. 
Descemos dos cavalos, ficamos  debaixo de uma árvores vendo a bicharada se divertir naquela lagoa; O meu amigo me contou que ali estavam alguns patos raros e ameaçado de extinção por isso a área foi transformada em reserva. O que é justo. E para surpresa nossa depois de algum tempo observando os bichos, todos sairiam correndo, debandando, voando para longe como desespero. Ficamos surpreso, e até o meu amigo comento que poderia ser um Gavião real que os espantou ou até mesmo uma onça pintada. Mas ai percebemos que se tratava de um helicóptero do exercito que voava baixo procurando algo.
Ficamos onde estávamos e vimos que o helicóptero foi embora. E então vimos na lagoa aparecer um pato.  O pato estava tranquilo agora e   não havia voado como os demais mas se escondera entre as matas que circundava a lagoa. E para nós aquele era apenas um pato, mais nada.
Mas ai o helicóptero do exercito voltou rapidamente não dando tempo do pato se esconder. E ele então saiu voando e o helicóptero atrás. Ficamos observando surpreso que se tratava aquilo. Seria que os saldados estavam caçando pato com helicóptero! Seria o pato algo mais que um pato!
Ainda sobre o impacto da cena, vimos no céu o helicóptero voar mais baixo atrás do pato, que agora sim parecia desesperado e saiu voando com toda a sua força. E então do helicóptero veio uma rede e pegou o pato levando para dentro da aeronave voltando misteriosamente de onde veio. Eu e meu amigo ficamos sem saber se tínhamos visto coisa ou era real.  Especulamos todas as possibilidades possível e  voltamos para a sede da fazenda para almoçar.
E logo após o almoço, um carro do exercito apareceu na sede da fazenda querendo conversar com o dono.
Eu e meu amigo fomos receber e um oficial do exercito disse o seguinte.
- Hoje pela manhã os senhores presenciaram uma manobra do exercito. Era apenas uma manobra que por segurança nacional não poderiam comentar com mais ninguém  sob o domínio da lei...... em que poderiam ser condenados por atentado contra  a segurança nacional.  
- Por causa de um pato!- perguntou o meu amigo.
- O senhor entendeu o que eu disse ou quer que eu repita! - insistiu o oficial.
Meu amigo disse que esta tudo bem e que nada seria dito. O oficial foi embora, e meu amigo não disse mais nada. 
Tudo bem, ele não disse pra mais ninguém, mas eu estou publicando. Porque me intriga o que um pato pode implicar na segurança nacional? Aquele pato sabia de algo porque se escondeu e tentou fugir! Mas o que ele saberia, ou o que seria aquele pato. E toda aquela operação por um pato. E a nossa segurança nacional depende de um pato. Loucura, mistério.... Mas um pato?